As suas crenças em Deus que ainda existirem serão "arrebatadas" por esse artigo contundente de William Magalhães.
Uma das maiores paranormais do mundo é brasileira e é internacionalmente famosa e requisitada.
Se você pudesse renascer na sua melhor versão como uma Fénix, como seria? Veja a experiência da Vanessa com a RTS.
Os depoimentos que tornaram o Força Subconsciente um site famoso e cheio de conteúdos voltados ao despertar coletivo. Novos depoimentos num novo modelo de conversa. Confira já!
Os seus problemas atuais começaram lá na sua família de origem, sabia? Pode ser difícil para você, mas é possível resolvê-los.

Pesquisar no site

terça-feira, 19 de junho de 2018

A Chave para Transformar Nossas Vidas.

Dois pontos de virada globais em um verão.

Todos nós experimentamos momentos de virada em nossas vidas, embora alguns sejam mais memoráveis do que outros. No verão de 1969, experimentei dois momentos decisivos que mudaram minha vida, e os dois aconteceram em menos de um mês um do outro!


Eu estava de ferias da escola naquele verão e trabalhando em um rancho no sul do Missouri.


A temperatura de quase 38° C, combinada com a umidade de quase 100% que é típica naquela época do ano nessa região, praticamente garantiu que todas as atividades ao ar livre seriam uma experiência miserável.


Isso era particularmente verdadeiro para o meu trabalho principal de “empastar” fardos de feno amarrados em arame nas costas de um caminhão lento.


Caminhando ao lado do veículo, fui encarregado de levantar cada fardo de 27 quilos do chão e catapultá-lo no caminhão para ser empilhado assim que o caminhão chegasse ao próximo fardo, onde meus colegas de trabalho e eu repetiríamos a seqüência.


Isso continuou por horas a fio. Ansiava por jantar todas as noites, não só para encontrar alívio para a poeira, insetos e calor, mas também porque era a única oportunidade de assistir ao noticiário da noite e me conectar com o resto do mundo.


Momento da Virada 1: Para a Lua.


Havia uma pequena televisão em preto e branco na sala de jantar, onde todos no rancho se reuniam para as refeições. A TV estava em um canto da sala, e o volume geralmente ficava tão baixo que só podíamos adivinhar o que as pessoas nas imagens granuladas estavam dizendo.


Uma noite, no entanto, isso mudou. Quando o zumbido de vozes à mesa ficou em silêncio durante a oração do jantar, as palavras que vinham da TV eram inconfundíveis. "Esse é um pequeno passo para o homem, um grande salto para a humanidade", disse a voz.¹


Astronauta Buzz Aldrin e uma das marcas deixadas em solo lunar pelas botas na missão Apollo 11 em 20 de julho de 1969.

Senti a onda de duas realidades muito diferentes percorrerem meu corpo enquanto ouvia - uma do mundo que nos separava uma da outra antes do anúncio e outra do mundo em que essa separação desapareceu, ainda que brevemente, depois.



As palavras eram de Neil Armstrong, e sua voz estava viajando da escada de uma frágil nave espacial na superfície de outro mundo, através do espaço, para as redes de televisão ao redor da Terra e para a pequena TV na minha frente. O primeiro humano tinha acabado de pôr os pés na Lua e, durante a gravação, eu estava revivendo o momento em que aconteceu.


Este foi o momento em que a visão coletiva da humanidade sobre si mesma, de incontáveis gerações passadas, subitamente deu lugar a uma nova e ampliada visão de esperança e possibilidade.


Isso me mudou para sempre. Isso mudou a maneira como eu me sentia sobre o mundo. Isso mudou a maneira como eu me sentia sobre as pessoas no mundo. Naquele dia, éramos uma família global além do norte e sul-americanos, europeus, asiáticos, australianos e africanos.


Naquele momento, éramos seres humanos e acabávamos de realizar algo que até aquele dia tinha sido apenas coisa  do mundo dos sonhos. De repente, tudo se tornou real. Nós estávamos na Lua e eu senti isso no meu corpo.


Esse momento foi um ponto de virada para mim, e eu me lembro vividamente até hoje.


Momento da Virada 2: Três dias de paz em Woodstock.


Apenas quando eu pensei que eu não poderia recuperar o temor que eu tinha acabado de experimentar, o impensável aconteceu.


As emissoras de TV que mostravam as imagens de Neil Armstrong na Lua, apenas algumas semanas antes, agora traziam outra história que o mundo todo estava assistindo também.


Ao me aproximar e aumentar o volume da TV, ficou claro que a história chamava a atenção dos trabalhadores cansados comigo para a mesa de jantar. Em uma reviravolta do destino que não poderia ter sido coreografada melhor em um romance utópico, a televisão estava mostrando cerca de 500.000 jovens vivendo juntos em paz no festival musical de Woodstock, em Nova York.

Woodstock ocorreu entre os dias 15 e 17 de agosto de 1969.

E isso estava acontecendo durante o mesmo verão que o pouso na Lua! Quais são as chances? Eu pensei, refletindo sobre a ironia.


O poder e a sincronicidade do que eu via na televisão eram tanto surreais quanto profundamente comoventes.


As reportagens estavam descrevendo como as cerca de 50 mil pessoas originalmente esperadas pelos organizadores do festival tinham inesperadamente se transformado em meio milhão!


O resultado final era que as instalações não podiam mais lidar com o grande número de pessoas em segurança.


Os organizadores fizeram a única coisa que puderam fazer: declararam o festival como um evento gratuito, e depois fizeram o melhor para fornecer comida, água e serviços médicos e de saneamento ao público encharcado de chuva que transformou a New York State Thruway em um estacionamento virtual a caminho para chegar lá!


Embora se soubesse há muito tempo que tanto o pouso na Lua quanto o encontro de tantas pessoas eram possíveis, o fator desconhecido era como esses eventos se desenrolariam.


O fato de que Woodstock acabou sendo o maior e mais pacífico encontro desse tipo na história moderna foi um momento de mudança de paradigma na mente das pessoas em todo o mundo.


Com tantos jovens reunidos em uma área tão pequena com tão pouca supervisão contra o pano de fundo de emoções acaloradas com relação à Guerra do Vietnã, a crença generalizada era de que o caos transformaria o evento em um desastre perigoso.


Mas o que aconteceu naquele fim de semana mostrou aos americanos convencionais que seus medos eram infundados.




Pontos de virada acontecem diante dos nossos olhos.


Ao longo dos três dias (que se transformaram em quatro dias) de música, nudez, sexo, drogas, chuva e lama, a realidade do festival tornou-se o tema de uma geração: paz e amor.


O fato de os seres humanos terem ido à Lua, caminhado na superfície e retornado com segurança, alterou o paradigma que sustentava a visão das pessoas unidas apenas a este mundo.


Que este evento aconteceu durante o mesmo verão que Woodstock é um fato marcante que as futuras gerações vão estudar e se maravilhar.


No espaço de apenas algumas semanas, nos mostramos que temos a tecnologia para visitar outros mundos e a sabedoria de viver pacificamente sem a necessidade de aplicação da lei ou de uma autoridade superior nos obrigando a fazê-lo.


Tão diferentes quanto os eventos foram um do outro, tanto Woodstock quanto o pouso na Lua provaram ser pontos de virada poderosos em minha vida, assim como nas vidas de inúmeras outras pessoas.


E embora saibamos que milhões de pessoas assistiram os dois eventos se desenrolarem na TV, só posso descrever a razão pela qual eles mudaram minha vida para mim.


Ambos os cenários desafiaram o pensamento, as ideias e as crenças do mundo que estavam em vigor antes que ocorressem. E ambos os cenários me mostraram o que era possível.

O que os momentos significam para o nosso futuro?

Quer um ponto de virada seja espontâneo ou intencional, a chave para aproveitá-lo é entender que, uma vez ocorrendo, ele abre a porta para possibilidades e resultados inteiramente novos.


À luz do tipo e número de crises que enfrentamos hoje em dia, pode ser que nossa capacidade de reconhecer pontos críticos de mudança, ou criá-los quando necessário, se torne a chave para transformar nossas vidas.

-------

¹“Spoken by Neil Armstrong.” Apollo 11 Lunar Surface Journal Corrected Transcript and Commentary (2013): Last Revised. Print.

Extraido de Resilience from the Heart: the Power to Thrive in Life’s Extremes por Gregg Braden. Copyright © 2015 (Hay House).


Tradução: Leonhard Lng.



#FísicaQuântica #Física #Espiritualidade #SaltoQuântico #CuraQuântica #Angústia #Depressão #Pânico #SíndromeDoPânico #Transtorno #Reencarnação #Karma #Espírito #Alma #Doenças #Cura #Quântica #Quântico #CuraQuântica #Terapia #Terapeuta #Transpessoal #Psiqué #Transcendente #Transcendência #Hórus #Mistérios #Despertar #Subconsciente #OPoderDoPensamento #PensamentoPositivo #OPoderDoSubconsciente #SubconscienteHumano #SuperHumanos #Parapsicologia #Paranormal #Prosperidade #Dinheiro #Coach #Coaching #Finanças #Crise #PNL #Hipnose #Yoga #Ioga #Mediunidade #Meditação #Numerologia #Grabovoi #DhinAkari #OSaltoQuânticoGenético #Supraconsciência #EuMaior #EuSuperior #NovaFísica #Illuminati #TeoriaDaConspiração #Compaixão #Amor #Carinho #Sensual #Xamanismo #Superação #Intuição #Autoajuda #Poliamor #Poligamina #DavidIcke #Osho #Deeksha #Reiki #AstronautasAntigos #Astrologia #Astronomia #Ufo #Ufologia #OVNI #Esoterismo #ChicoXavier #DivaldoFranco #EleNão #ForaTemer #Empreendedorismo #Contabilidade #Farmacologia #Investimento #Mentalismo #Mente #Mitologia #Egiptologia #Deuses #Deusas #SagradoFeminino #SagradoMasculino #Passe#Candomblé #Umbanda #Vodu #MagiaUniversal #MagiaGoetia #PlanetaPrisão #PrisionPlanet #Terra #TerraPlana #MicrofísicaDoPoder #Agnosticismo #Agnóstico #Agnóstica #Agnose #Gnose #Gnosticismo #Conhecimento #ETBilu #Lúcifer #Luciferianismo #ComandoAshtar #Ashtar #AshtarSheran #AdemarJoséGevaerd #RevistaUFO #Ira #Revolução #Raiva #Ódio #Revolta #Ímpeto #Sucesso #Glória #Empreendimento #Investimento #Empreendedorismo #Engenharia #Contabilidade #CompulsãoAlimentar #Conflito #Extraterrestre #Alien #Alienígena #ErichvonDäniken #ErichAntonPetervonDäniken #Däniken #TransmissãoDoRetornoÀFonte #Fonte #CuraReconectiva #SerafimVieira #EricPearl #CuraComAsMãos #PoderDasMãos #MulherDoAlgodão #EderlazilMunhoz #FundaçãoCacique #CaciqueCobraCoral #FCCC #PadreQuevedo #LeiDaAtração #Pentagrama #hexagrama #SriPremBaba #SaúdeMental #LGBTQIA #LGBT #EscalaKinsey #Diversidade #Socialismo #Comunismo #Capitalismo #KarlMarx #CarlSagan #Jung #Buda #Siddhartha #SiddarthaGautama #Comportamento #ComportamentoDeManada #Demiurgo #Mandala #Sofrimento #Iluminação #Evolução #Iniciação #Tantra #Tântrico #TerapiaTranspessoal #ConstelaçãoFamiliar #ConstelaçõesFamiliares #Bilionários #Milionários #Representatividade #AnelIlluminati #AnelConsagrado #ReiSalomão #Ramsés #Faraó #RamsésII #Vidas #Passadas #VidasPassadas